Orientações sobre a violência contra a mulher marcam os 13 anos da Lei Maria da Penha

População recebeu orientações na Praça Nove de Julho — Foto: Marcos Sanches/Secom

O Serviço de Proteção e Atendimento Especializado à Mulher em Situação de Violência, do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), promoveu nesta quarta-feira (7), na Praça Nove de Julho, no Centro de Presidente Prudente, ações para celebrar o aniversário de 13 anos da Lei Maria da Penha.

De acordo com a coordenadora do Creas, Simone Duran, a lei, que foi sancionada pelo então presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) em 7 de agosto de 2006, representa uma grande conquista para o Estado brasileiro.

A data foi marcada com intervenções culturais, depoimentos, entrega de cartilhas e orientações, que visam a divulgar os serviços oferecidos às mulheres.

O Creas é um serviço oferecido pelo município e atende, mensalmente, 50 mulheres que são acompanhadas pela equipe multiprofissional. A repartição fica Rua Major Felício Tarabai, 1.167, na Vila Nova.

Segundo a delegada titular da Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), Daniela Roefero Marrey Sanchez, a ação realizada na Praça Nove de Julho é importante para divulgar a lei para que as mulheres estejam conscientes de que são protegidas e amparadas pela norma.

Segundo dados da Secretaria da Segurança Pública do Estado de São Paulo, somente no primeiro semestre deste ano a DDM instaurou 672 inquéritos policiais para apurar casos de violência em Presidente Prudente, número 65,11% superior ao total registrado no mesmo período de 2018.

Na Praça Nove de Julho, os homens também foram orientados sobre a responsabilização e a reeducação acerca da violência praticada contra mulheres.

 (G1)

Redação

Jornalista desde 1998 com reportagens publicadas em grandes jornais do Brasil, como a Folha de S. Paulo e Gazeta do Povo. Teve passagens pelos jornais Gazeta do Paraná, O Paraná e Hoje, onde foi editor-chefe, além do portal CGN e Rádio Independência. Fundador dos jornais Boas Notícias e Boa Noite!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.