Operação Fecha Quartel III reforça o policiamento na Capital e no Interior do Estado

Apenas em Curitiba e na Região Metropolitana, mais de 270 policiais estão nas ruas, além do efetivo já aplicado no policiamento ordinário, reforçando o patrulhamento nas áreas comerciais, residenciais e com maior índice de ocorrências

Com o reforço do efetivo administrativo, a Polícia Militar desencadeou a Operação Fecha Quartel III na Capital e em todo o Estado do Paraná nesta sexta-feira (22). Apenas em Curitiba e na Região Metropolitana, mais de 270 policiais estão nas ruas, além do efetivo já aplicado no policiamento ordinário, reforçando o patrulhamento nas áreas comerciais, residenciais e com maior índice de ocorrências.

Segundo o comandante-geral da PM, coronel Hudson Leôncio Teixeira, a operação tem como objetivo elevar a sensação de segurança da população. “Esse efetivo se junta aos policiais que já estão nas ruas para atuar nas áreas com os maiores índices de ocorrências. Para esta operação estão envolvidas diversas modalidades de policiamento em várias regiões do Estado”, disse.

A operação Fecha Quartel III é uma iniciativa do Subcomando-Geral para colocar o máximo de efetivo possível nas ruas, a fim de que os policiais militares de diferentes áreas dos setores administrativo e operacional trabalhem em conjunto no policiamento ostensivo, atendimento de ocorrências, abordagens a pessoas e veículos, fiscalizações de pontos comerciais e bloqueios de trânsito.

A aplicação dos efetivos foi feita criteriosamente por cada unidade operacional, a fim de intensificar a presença nos pontos mais sensíveis indicados pela análise criminal.

Os batalhões que desenvolveram missões específicas nas áreas rodoviárias, ambiental, operações especiais e de patrulhamento tático também estão na Fecha Quartel III. Em todo o Paraná, haverá ações nas estradas estaduais, promovidas pelo Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv), fiscalizações de denúncias de crimes ambientais por parte do Batalhão de Polícia Ambiental Força-Verde (BPAmb-FV), além de patrulhamento pelo Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque).

 

(AEN)

Luiz Carlos da Cruz

Jornalista desde 1998 com reportagens publicadas em grandes jornais do Brasil, como a Folha de S. Paulo e Gazeta do Povo. Teve passagens pelos jornais Gazeta do Paraná, O Paraná e Hoje, onde foi editor-chefe, além do portal CGN e Rádio Independência. Fundador dos jornais Boas Notícias e Boa Noite!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.