Homem que atirou em pessoas na saída de boate em Ponta Grossa é condenado à prisão por homicídio e tentativa de homicídio

Em Ponta Grossa, região dos Campos Gerais, um homem foi condenado no Tribunal do Júri a 20 anos e cinco meses de reclusão em regime fechado pela morte de um rapaz e pela tentativa de homicídio de outra pessoa. Os fatos ocorreram na cidade, em maio de 2013, em frente a uma casa noturna. O Ministério Público do Paraná foi representado no julgamento pela 10ª Promotoria de Justiça da comarca.

Segundo a denúncia do MPPR, o réu atirou contra um homem que teria brigado com seu irmão dentro da boate, atingindo o suposto agressor, que ficou ferido, e outro rapaz, que acabou morrendo como resultado do ferimento. Além de determinar a pena, o juiz decretou a prisão preventiva do condenado, que não compareceu ao julgamento, feito à revelia.

(MPPR)

Redação

Jornalista desde 1998 com reportagens publicadas em grandes jornais do Brasil, como a Folha de S. Paulo e Gazeta do Povo. Teve passagens pelos jornais Gazeta do Paraná, O Paraná e Hoje, onde foi editor-chefe, além do portal CGN e Rádio Independência. Fundador dos jornais Boas Notícias e Boa Noite!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.