Ciclistas terão ” Ponto da Bike” em Cascavel

O lançamento aconteceu hoje durante um passeio ciclístico pelas Avenidas Tancredo Neves e Tito Muffato

Ciclistas durante o passeio na manhã desta segunda-feira (Fotos: Divulgação/Secom)

Um passeio ciclístico pelas Avenidas Tancredo Neves e Tito Muffato, na manhã desta terça feira (05) com ponto de partida da Praça do Migrante e chegada no Bairro santa Cruz, marcou  o projeto ” Pedala Cascavel” e o lançamento do ” Ponto da Bike”. Participaram o prefeito em exercício, Alécio Espínola, o vereador Pedro Sampaio, o presidente da Cettrans , Alsir Pellisaro e ciclistas que integram a Associação de Ciclismo de Cascavel. “Em uma conversa com  o prefeito Paranhos, e  levando em consideração a grande quantidade de ciclistas que temos na cidade, decidimos criar um ponto de encontro, de congregação, confraternização entre todos os praticantes de esporte. Foi daí que surgiu a ideia de construirmos o “ponto da bike”. Ainda não definimos o local. Estamos estudando  juntamente com os ciclistas o melhor local para a implantação física deste espaço, que será voltado às necessidades  dos ciclistas”, disse o prefeito em exercício Alécio Espínola.

O “ponto bike” vai oferecer aos atletas serviços como : bicicletário com locação, atendimento especializado ( handbike), espaço de convivência, vestiários com chuveiros, toalete com acessibilidade, espaço wifi e cantina natural . ” A intenção do município com  este “ponto bike” é torna-lo referência junto aos ciclistas e garantir a eles condições mínimas de prática desta atividade, que cresce a cada dia em Cascavel” , completou  Alécio Espínola.

O presidente da Associação de Ciclismo de Cascavel, Nilton Carlos Rodrigues , destacou o empenho do Governo Municipal em oferecer aos ciclistas espaços seguros e apropriados para  a prática deste esporte. Ele destacou também o crescimento do setor no Município. ” Cascavel  tem em seu mercado, voltado ao ciclismo, o que há de melhor para a prática desta modalidade e, de um modo geral, saímos na frente de muitas cidades, maiores que Cascavel, como Maringá por exemplo, onde o comércio voltado ao ciclismo não é tão forte quanto aqui. Em Cascavel, a cada dia, cresce o número de ciclistas nas ruas, por isso precisamos realmente deste investimento e olhar diferenciado do poder público para  nosso atletas”.

O Veredaor Pedro Sampaio, que também pratica o esporte , disse que em ” Cascavel há quase 25quilômetros de ciclovias e quase de 10 mil praticantes deste esporte, por isso o Governo Municipal preciosa expandir estas vias, levar este conforto e segurança para outras regiões da cidade, onde o uso da bicicleta como meio de transporte é bastante difundido”.

(Secom)

Da redação

Jornalista desde 1998 com reportagens publicadas em grandes jornais do Brasil, como a Folha de S. Paulo e Gazeta do Povo. Teve passagens pelos jornais Gazeta do Paraná, O Paraná e Hoje, onde foi editor-chefe, além do portal CGN e Rádio Independência. Fundador dos jornais Boas Notícias e Boa Noite!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.