Cantagalo volta a impor restrições após nova onda de Covid-19

 

 

A Prefeitura de Cantagalo suspendeu eventos públicos e particulares, independente do número de de participantes pelos próximos dez dias.O novo decreto assinado pelo prefeito João Konjunski diz que a contenção da doença é uma medida para evitar um novo colapso na rede de saúde.

“Em todos os locais com circulação de pessoas deve ser reforçado medidas de higienização de superfície e disponibilizar álcool gel 70% para os usuários, devendo tais estabelecimentos assegurarem que os seus consumidores presenciais, bem como seus funcionários, usem devidamente máscaras faciais, mantenham distância de, pelo menos, 2m (dois metros) entre si em eventuais filas, no interior e
no exterior do estabelecimento”, diz parte do texto.

Os supermercados que possuem grande circulação deverão disponibilizar um funcionário para verificar a temperara com um medidor digital.

A medida foi tomada após uma explosão de novos casos de Covid-19 na cidade.

O boletim epidemiológico divulgado no fim da tarde desta sexta-feira (14) trouxe 11 novos casos da doença.

Em quatro dias, o número de casos ativos subiu 193%, passando de 15 para 44.

 

 

 

Luiz Carlos da Cruz

Jornalista desde 1998 com reportagens publicadas em grandes jornais do Brasil, como a Folha de S. Paulo e Gazeta do Povo. Teve passagens pelos jornais Gazeta do Paraná, O Paraná e Hoje, onde foi editor-chefe, além do portal CGN e Rádio Independência. Fundador dos jornais Boas Notícias e Boa Noite!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.